Sindicato Rural de Catalão

Brasil deve colher 238,7 milhões de toneladas de grãos


A estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para a safra de grãos 2016/17 é de 238,7 milhões de toneladas. Isso representa um crescimento de 27,9% em relação à safra 2015/16, ou seja, um acréscimo de 52,1 milhões de toneladas. A área plantada chegou aos 60,9 milhões de hectares, um crescimento de 4,4% na comparação com a safra anterior. Os dados relativos a esses produtos e demais grãos estão no 12º Levantamento da Safra 2016/2017 de Grãos, divulgado nesta terça-feira (12) pela Conab. 

Para Goiás a Conab estimou uma produção total de 21,8 milhões de toneladas nesta safra 2016/17 – um crescimento de 24,6% em relação à safra anterior. “Este crescimento é justificado principalmente pela elevação na produção de milho safrinha, que com um clima bem mais favorável do que na safra passada obteve uma produção 67,8% superior, chegando aos 7,56 milhões de toneladas produzidas”, aponta o analista técnico do Instituto para o Fortalecimento da Agropecuária de Goiás (Ifag) e Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), Cristiano Palavro. 

Outro destaque foi o crescimento de 8,2% na produção de milho verão, que atingiu o total 2,08 milhões de toneladas produzidas nesta safra. Já a soja, principal cultura produzida no estado, obteve crescimento de 5,6%, alcançando 10,8 milhões de toneladas, com produtividade média de 55 sacas por hectare em uma área de 3,27 milhões de hectares. 

O sorgo também obteve resultado bastante positivo nesta safrinha, com produção total estimada em 805 mil toneladas – alta de 135,7% em relação ao ano anterior. Entre os demais produtos goianos, destaque para o crescimento na produção de feijão (+20,6%), girassol (+107,9%), arroz (+7,8%) e algodão (+19,3%).

Produção nacional 

A produção do milho primeira safra foi de 30,46 milhões de toneladas, um crescimento de 18,3% em relação à safra anterior. Já colheita do milho safrinha está caminhando para o encerramento, e a estimativa atual é de produção total de 67,25 milhões de toneladas. Para a safra de soja, grão mais produzido no país, foi estimado uma produção total de 114 milhões de toneladas.

Para o algodão, as condições climáticas proporcionam uma boa safra para este ano. A colheita está próxima do término, com produção de 1,53 milhões de toneladas de pluma e 2,3 milhões de toneladas de caroço. No caso do arroz, condições climáticas favoráveis ao longo de todo o ciclo resultaram em 12,33 milhões de toneladas de produção.

Texto: Faeg e Ifag, com informações da Conab


#compartilharcomamigos

Footer